Arquivo para como

Como o barco veleja?

Um veleiro tem quatro componentes básicos que permitem que possamos velejar. Eles são a armação, as velas (sail), a quilha ou bolina , e o leme.

A armação é projetada levar tripulação, o casco , obviamente equipado com mastro que envergará as velas e fará com que o barco possa se movimentar pela pela água com facilidade.

As velas na verdade provêem a força e propulsão do vento para fazer o barco mover pela água. Imaginar um veleiro navegar a favor do vento , ou sendo empurrado, é uma solução simples e direta de observação e análise.

É entretanto para muitas pessoas é difícil à compreensão de entender como um barco a vela navega contra o vento . Mas sabemos se o veleiros estiver na zona neutra suas velas não terão nenhuma força de propulsão elas ficarão simplesmente panejando como um bandeira tremulando ao sabor do vento.

A força que o vento transfere de fato às velas faz um barco avançar em conjunto com a ação da quilha, da bolina, que está sob a água. Se você fosse olhar para uma asa de avião você terá uma figura como a parecida com a figura ao lado o ar passa pelo perfil causando sustentação do perfil.

No barco a vela o ar que passa pelas velas cria efeito parecido ou semelhante ao criado na asa do avião.

Este efeito na aviação denominamos sustentação, no barco poderemos classificar como potência, força lateral , que em conjunto com a quilha , e ou bolina, impedirá que o barco seja empurrado pelo vento esta resistência se traduzirá em movimento para frente e também um ligeiro movimento lateral (leeway ) .

O leme é usado para guiar o barco. Você pode ter uma extensão presa ao leme que denominamos cana de lime. Quando a cana de leme é movido a um dos lados o leme desloca a massa de água que flui na superfície do leme e faz com que ele manobre na direção contrária. Em veleiros maiores que utilizam uma roda de leme para guiar o barco vira o mesmo modo que a roda é virada.

Anúncios
%d blogueiros gostam disto: